CLICK HERE TO TRANSLATE THE BLOG TO YOUR LANGUAGE!

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Feng Shui: para funcionar é preciso acreditar?


Acreditar e trabalhar com Feng Shui para mim foi um processo demorado. Afinal eu me formei em arquitetura (1962) numa época em que ela fazia parte das ciências exatas. Os conceitos de Feng Shui na maioria das vezes fazem sentido: há um ciclo de cinco elementos, que pode ser gerador, também  pode ser que um enfraqueça o outro no sentido inverso, e ainda que um  ataque o outro.

Baseados nesse ciclo, na direção mais yang da fachada, na data de cobertura desse imóvel  e no local onde ele está situado podemos fazer um mapa (há até  um software que calcula isso) e ver os tipos de energias presentes, como se combinam entre si e se elas estão  gerando coisas boas ou ruins. É claro que é preciso conhecimento e experiência para interpretar o que é criado nesses encontros.

Afinal há 5.000 anos os chineses começaram com o Feng Shui, primeiro para túmulos (casas Yin) porque achavam que a posição do túmulo influenciaria seus descendentes. Depois passaram para os palácios dos imperadores e só muito depois para o povo.

Há varias Escolas de Feng Shui e eu trabalho com uma que se chama Escola das Estrelas Voadoras, sendo que Estrela é o nome que damos para energia. Não tem nada a ver com aquela historia de colocar o baguá na planta, supor que a porta é sempre Sul e colocar o Canto do dinheiro, Canto dos amigos, etc. É muito diferente e bem mais complicado.

Muitas vezes as pessoas torcem o nariz quando dou o meu cartão e digo com que trabalho, mas isso só até terem um problema maior e precisarem de ajuda. Posso ajudar, através do uso do Feng Shui, de varias formas, seja com problemas de saúde, prosperidade, roubos e uma infinidade de outras coisas que fazem parte de nosso cotidiano. 

Independente de você crer ou não, o Feng Shui vai funcionar sempre.

Publicado inicialmente no blog Indike.

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Considerações iniciais sobre um estudo de Feng Shui.



Como se sabe o Feng Shui é um estudo abrangente das condições energéticas de um imóvel e de sua interação com seus habitantes, estudo esse que vem sendo desenvolvido há milênios pelos chineses, desde a invenção da bússola.
Um estudo completo de Feng Shui para um imóvel leva em conta diversos fatores, a saber:
1.   Fator geodésico – refere-se ao posicionamento do imóvel com relação ao Norte Magnético. Através da bússola é possível determinar esse posicionamento. Também se pode conhecê-lo através de  GPS (via satélites) ou do Google Earth, nesse caso considerando-se adicionalmente a declinação magnética (diferença entre Norte Verdadeiro e Norte Magnético) no local e no tempo.
2.   Fator temporal – Na construção do imóvel, há o momento a sua cobertura, pode-se dizer, de seu “nascimento”. É o momento no qual ele passa a ter vida própria, quando se fundem “a energia do céu com a energia da terra”. Nesse fator é considerado um ciclo básico de 20 anos, sendo que, a cada ano há uma variação a ser considerada para manutenção do imóvel nas suas melhores condições.
3.  Fator dinâmico – a forma como o imóvel é utilizado, isto é, a intensidade com que seus habitantes se movimentam e o frequentam  determina a via de acesso das energias universais que exercem influências sobre ele.
4.   Fator pessoal – trata da interação entre as energias universais que influenciam o imóvel e aquelas que são exercidas sobre seus habitantes.
5.   Fator circunstancial – refere-se às facilidades e dificuldades de acesso que as energias vitais encontram em sua tarefa de influenciar positiva ou negativamente cada setor ou área da edificação. A otimização desse fator se obtém através das formas, cores,  natureza e posicionamento das peças de utilização e decoração, tais como tapetes, fontes, iluminação, cores das paredes etc.

No relatório preliminar, estão considerados somente os dois primeiros fatores, quais sejam, o da posição geodésica do imóvel e de seu período de construção. Eles são suficientes para se conhecer o potencial energético da construção. Normalmente esse relatório preliminar é usado quando o cliente vai adquirir um novo imóvel e precisa saber se ele é bom. Ele é feito quantas vezes for necessário, até que se encontre um ótimo imóvel. O relatório completo, então, estabelecerá os outros detalhes para utilização plena e saudável das energias disponíveis.

       

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Bodas de Ouro.


Dia 10 de outubro eu e meu marido Guilherme fizemos 50 anos de bem casados. Comemoramos dia 12, sábado, com uma festa em família, no Rancho Altavista, Extrema, Minas Gerais, onde moramos. Nossos filhos (na foto), nossos netos, irmãos e cunhadas queridos, sobrinhos muito especiais e alguns amigos muito queridos, também estavam conosco. Damos graças a Deus por toda essa felicidade.

quarta-feira, 2 de outubro de 2013

O Feng Shui assinala: você está se relacionando com a pessoa errada.

Há uma quantidade enorme de coisas que você pode dizer sobre a forma como alguém encara sexo, filhos, amor e até mesmo o quanto eles querem estar em qualquer tipo de relacionamento: é só caminhar em torno de seu quarto. Mas é realmente justo ou correto julgar alguém baseado em seu quarto?

Não: as pessoas querem o que querem e ninguém está certo ou errado.É interessante, porém, quando as pessoas dizem que querem alguma coisa - amor, filhos, um compromisso de longo prazo - e seu quarto grita de outra forma , em  vibrante linguagem do Feng Shui.

Hoje , quero compartilhar com vocês alguns grandes sinais vermelhos em romances que eu já vi uma vez ou outra, que devem aumentar a sua consciência baseada no Feng Shui, quando você está namorando ou em um relacionamento. Se você tem um parceiro fabuloso com um dos sinais vermelhos aparentes, isso não seria uma causa para terminar um relacionamento. Se você ver mais do que um sinal vermelho porem, vale a pena prestar atenção. Eu tinha clientes e leitores a  me perguntar se era " tão ruim ", se seu novo namorado tinha uma configuração de quarto louco, só para voltar mais tarde para dizer que eles deveriam ter pensado melhor . Então, agora você vai saber !

Alguns  quartos com um sinal vermelho do Feng Shui para as relacionamentos :

1 . Não há uma mesa de cabeceira ou a cama não tem cabeceira .

A não existência de cabeceiras ou mesinhas de cabeceira geralmente evidencia uma vida incompatível ou instável. Pessoas sem cabeceira de cama geralmente não estão planejando ficar em um lugar por muito tempo e estão por se resolver em um ou muitos aspectos. Adicionar um criado-mudo, é claro, é um reparo fácil. Só uma mesa de cabeceira em um quarto, no entanto, é um sinal de alguém que está vivendo principalmente para ele ou ela própria e não necessariamente de uma forma egoísta. Essas pessoas realmente não veem outra pessoa compartilhando seu quarto, isso não faz parte de seu pensamento atual. Mesmo se eles desejarem, eles podem sentir, por algum motivo, que não é possível no momento.

2 . A cama foi esmagada contra uma parede, com apenas um caminho para a cama.

Pessoas com estas camas contra a parede nem sempre realmente querem um relacionamento, ou pelo menos não um relacionamento equilibrado. Você está preso em sua cama, se você dormir contra a parede. Você está em apuros, se você dormir do lado de fora. Não é a melhor situação .

3. A cama é no chão, sem nenhuma estrutura da cama.

Isto é o que eu chamo abaixar-se. Se você está namorando casualmente, isso pode ser até divertido e infantil em seu romance. Porem  tipicamente não é um dos ingredientes de base de um parceiro de vida sólida. A mesma coisa vale para a cama sem cabeceira. Se você não tiver um, pode obter um ou fazer um. A cabeceira sólida cria muito mais segurança e solidez para a cama, e para você!


4 . Se você ver uma TV gigante (ou qualquer TV) no quarto, isso não é uma coisa boa.

É muito fácil de evitar a intimidade, quando você tem uma enorme TV que pode encher o cômodo com ruídos e distração.

5. Siga-me no presente: a cama é colocado com a sua cabeceira na parede à esquerda da parede da porta de entrada .

A cabeceira não é contra a parede da porta de entrada , mas, sim, contra a parede à sua esquerda. Esta é a posição final cama de alguém que quer " sair ". Relacionamentos podem definitivamente trabalhar nesta posição, se eles são baseados em amizades fortes. Mas se você está " saindo " por muito tempo e quer um relacionamento sério, esta posição da cama não é a melhor coisa para se ver.

6. Levar trabalho para a cama : laptops, livros e papéis.

Pessoas que dormem com o seu trabalho tendem a não ter limites quando se trata de seu trabalho e tem uma forte ligação, identificando-se a ele, que é maior do que eles mesmos. Mesmo o maior viciado em trabalho deve obter pelo menos uma hora de distância entre o trabalho e o sono. É um sinal vermelho de um problema solucionável para muitos que estão dispostos a ver seu relacionamento e seu bem-estar pessoal como uma das prioridades .

Se você está lendo isso e dizendo: " Mas ... não há outra maneira de criar este quarto, para que ele / ela não tem escolha ... ". Eu vou dizer isto: nós escolhemos os nossos espaços . Em algum nível , encontramos um espaço que reflete onde estamos na vida para toda a sua grandeza e suas peculiaridades . Dito isto, cada espaço pode ser melhorado!

Além disso, se você estiver preso em um namoro/armadilha, você pode querer olhar para o seu próprio quarto - e para sua vida - e veja porque você quer continuar atraindo as mesmas situações. Equilíbrio, amor e mudanças no Feng Shui - assim como todas as coisas boas que se quer experimentar - tendem a começar a partir de nós mesmos em primeiro lugar.

Boa sorte no amor!

Baseado na tradução do artigo de  Dana  Claudat  http://www.mindbodygreen.com/0-11134/6-feng-shui-signs-youre-dating-the-wrong-person.html