CLICK HERE TO TRANSLATE THE BLOG TO YOUR LANGUAGE!

sábado, 12 de novembro de 2011

Combinação de Estrelas - Parte VI

Combinação do 3 com o 5.

      A combinação 3 e 5 também é difícil de curar, mas não é tão ruim.  O 3 e 5 juntos indicam principalmente  perda de dinheiro, problemas financeiros.  Pode ocorrer também processo judicial envolvendo dinheiro.  Esse processo judicial é muito ruim.  Pode ser, por exemplo, com cartão de crédito perdido e que a pessoa não comunicou a perda do cartão. Segundo o Mestre Yu, esses processos são algumas vezes por coisas que nem imaginamos que possam ocorrer  como o caso de pessoa que pagou seu imposto predial e territorial, mas que no controle do governo não se consta como pago, resultando na venda da casa, pelo governo, através de leilão,  para outras pessoas...  Quando se tem essa combinação, muito cuidado.
      A combinação 5 e 3, isto é o  5 de montanha com o 3 de água, não deve ser utilizada como quarto de dormir, porque é ruim e muito difícil de curar.A mesma coisa, isto é o mesmo problema anteriormente exposto pode acontecer.

Combinações do 3 com o 8.

      Combinação do 8 e 3 é uma boa combinação, em razão do 8 ser bastante gentil, pacífico. Temos que usar um elemento que sirva para injetar a energia positiva do 3 no preguiçoso 8. Quando o número 8 é a Estrela de Água, faz-se a mesma coisa. E o 8 recebendo um pouco da personalidade do 3 vai propiciar a que a pessoa ganhe dinheiro trabalhando melhor e sendo mais competitivo.


Combinações do 4 com o 8.

      A diferença entre as combinações 4 e 8 e 3 e 8 está vinculada ao fato de que o 3 é mais ligado ao físico, enquanto o 4 é mais ligado ao espírito.  Com 3 e 8 as crianças podem ter acidentes que causem ferimentos nos pés e nas mãos (o 3 é o pé e o 8 é a mão).  Já com o 4 e 8 os adolescentes  podem ter muitas fantasias sexuais e é um dano espiritual.  A cura é direcionar a energia do 4 para o 8.  Nesse caso os adolescentes terão mais pendores para apreciar a arte e vão utilizar esse talento para aprimorar e incrementar as suas vidas.

Parte de anotações do curso de Master Joseph Yu - 2002