CLICK HERE TO TRANSLATE THE BLOG TO YOUR LANGUAGE!

sábado, 2 de abril de 2011

A Faxina Real: Externa e Interna II .


Continuando a postagem sobre Faxina Real, tenho observado a cansaço físico e mental que me provoca  mexer em coisas antigas e também me desfazer delas. Eu mudei muito de uma casa para outra (19 vezes), ou de escritório (5 vezes) e sempre achei que o cansaço era provocado pela mudança e hoje sei que isso não é totalmente verdade. Lógico, se você trabalha vai se cansar, mas às vezes você se cansa sem ter trabalhado muito. Tem a poeira que é desagradável, mas é o turbilhão de emoções que realmente cansa: uma foto, uma roupa antiga, uma jóia ou bijuteria, o cheiro de um velho perfume revive intensamente um momento, que pode ter sido bom ou ruim: não importa, e sim a carga emocional que isso carrega.

Aí vem o ponto que já citei varias vezes do exterior e interior vibrando na mesma sintonia e do porque você não deve guardar nada do que te lembre maus momentos: no instante que você tocar ou sentir o “link”, o “elástico” que te liga ao passado vai agir e o mau momento será revivido. Aí vai haver perda de tempo, de energia e  de bom humor. Energia e bom humor você recupera, tempo não: ninguém compra nem mais um minuto de vida, por nenhuma quantidade de dinheiro. Não desperdice nenhum tempo em sua vida, ele é o seu bem mais precioso.

Repito: alem de doar o que você não precisa ou tem demais, descartar o que não presta, inclua nesse descarte, nessa faxina, todas as coisas trazem emoções ruins e que pesam sobre você. Você não vai acreditar nem no cansaço que vai ter, nem no prazer que sentirá depois de ter feito isso!