CLICK HERE TO TRANSLATE THE BLOG TO YOUR LANGUAGE!

domingo, 20 de junho de 2010

Avaliando o Qi nocivo.

O termo Sha Qi 沙 氣 é normalmente traduzido como Qi Mortal. Na verdade, o ideograma Sha significa parar, parado. Um dos princípios apresentados no Zang Shu 葬 書, Livro dos Enterros ensina que “o Qi vem das Oito Direções”. Assim, qualquer obstáculo no “caminho” do qi pode ser capaz de pará-lo ou de mudar suas características da mesma forma que uma pedra jogada num córrego muda a direção do fluxo ou como o lixo jogado na fonte de um rio contamina as águas a jusante. Compreender que o qi parado, estagnado ou contaminado pode trazer maus auspícios aos moradores ajuda a entender adequadamente este conceito.
O ambiente externo é uma consideração importante para garantir o bom feng shui de uma edificação. Se o sha qi da paisagem for muito forte, o bom feng shui não será capaz de sobrepô-lo, mesmo com uma boa direção, Xiang 向 e um bom assentamento, Xue 穴.
Vários elementos da paisagem contribuem para esta “contaminação”. Na avaliação da paisagem urbana, alguns profissionais asiáticos classificam sha qi com base na Teoria do Wuxing. A título de divulgação, apresentamos esta classificação com alguns exemplos:
Jin sha 金沙 (metal): influência das edificações vizinhas – As edificações de uma mesma vizinhança devem ter aproximadamente a mesma altura. Casas ou prédios muito altos em relação aos vizinhos estão desprotegidos e sujeitos ao qi direto trazido pelo vento.
Mu Sha 木沙 (madeira): influência da vegetação - Entradas (portas) e janelas não podem ser obstruídas por árvores ou arbustos altos que impeçam a ventilação e a iluminação naturais. Vegetação densa próxima a portas e janelas produzirá muita energia yin em razão das sombras e de umidade. Isso é desaconselhável para Yang Zhai 陽 宅, casa dos vivos. Sob determinadas circunstâncias e em conjunto com determinadas combinações de Estrelas Voadoras podem ser esperados problemas de depressão em algum membro da família.
Shui sha 水沙 (água): influência de rios, redes de esgoto, e outros corpos d'água - Água em movimento (fontes, chafarizes, laguinhos, aquários) com peixes e plantas é importante para reter o qi e trazer prosperidade aos moradores. As pessoas devem ter cuidado ao posicionar estes artefatos, pois sua localização indevida pode afetar de modo adverso o fengshui da casa. Água em movimento pode mudar as características das Estrelas Voadoras, fazendo com que uma estrela “ruim” traga bons auspícios aos moradores, ou fazendo com que uma estrela “boa” traga má sorte.
Huo sha 火沙 (fogo): influência de ruas, rodovias, tráfego - A entrada da casa – porta principal – não deve estar na direção de uma rua retilínea. Isso traz o qi com muita velocidade para dentro da casa. Nesta situação, acidentes e perdas financeiras ocorrem sem razão aparente. O qi rápido e direto causa desorientação nos moradores.
Tu sha 土沙 (terra): influência do solo, subsolo e fundações – O desenvolvimento do mercado imobiliário tem feito as construtoras avançarem sobre terrenos e áreas antes consideradas pouco atrativas. Assim, se constroem prédios sobre áreas alagadas ou sobre solos de baixa qualidade e resistência. Outro problema é a ocupação inadequada de morros e encostas cujo resultado aparece todos os anos no período das chuvas. É muito importante garantir que a edificação seja construída sobre o tipo correto de solo a fim de que não sofra problemas futuros na fundação ou na estrutura.
Feng Shui envolve um leque amplo e variado de conhecimentos demonstrando que é uma técnica eficaz na avaliação do ambiente e que vai além da decoração de ambientes. ***

Arq. Riceles Araujo Costa